Notícias


Workshop de visual de lojas aperfeiçoa técnicas de composição de vitrines para o Natal

27/set/2018

Nesta terça (25) e quarta-feira (26), ocorreu o workshop “Vitrine de Natal 2018: como melhorar o visual da sua loja”, na sede da Associação Comercial e Empresarial de Guarapuava (ACIG). Promovido pela Associação, em parceria com o SEBRAE, a formação de 8h teve como objetivo o desenvolvimento de estratégias eficientes de exposição de produtos para tornar os pontos de vendas mais agradáveis para os clientes.

No workshop, ministrado pela visual merchandising Lúcia Helena Soares de Almeida, foi abordado como preparar a loja para se tornar aconchegante, chamativa e atraente, para que a estética seja um diferencial colaborativo no aumento das vendas de fim de ano. Conforme a instrutora, a vitrine é como se fosse um vendedor que está constantemente dentro do espaço comercial. “É a vitrine que faz com que 70% dos produtos de uma loja sejam vendidos. Dentro de uma data especial como o Natal, em que o mercado já está aquecido, a montagem das vitrines temáticas instiga os clientes a começarem a comprar antes, porque o público entra no espírito de Natal mais cedo. Estamos chamando este espírito de Natal aqui em Guarapuava de recomeço”, explica.

Para a proprietária da Gleyne Jeans, Eliza Baldissera Kasczuk, a vitrine é o ponto chave para a decisão do cliente de entrar ou não em determinada loja. “No comércio nós temos pontos fundamentais como a qualidade de atendimento e a estética das vitrines, mas especificamente a vitrine é o que mostra o produto. Quando as pessoas estão passeando pelo centro, se elas veem uma vitrine bem exposta, bem arrumada, com a roupa certa, no momento certo, chama a atenção. O cliente entra na loja por causa da vitrine e quando já está lá dentro ele enxerga as outras opções”, afirma.

Conforme a proprietária da Casa dos Colchões, Difference Colchões e Loja dos Colchões, Graziela Beuren Córdova, esta época de fim de ano é o momento ideal para relembrar as técnicas de composição de vitrines. “Acho muito importante investir em uma formação como essa. Eu já fiz um curso de vitrine, mas foi há muito tempo, então acho que, especialmente no fim de ano, é sempre bom relembrar, para ter mais ideias e para reciclar os conhecimentos”, aponta.

De acordo com a sócia-proprietária da Hasti Confecções, Camila Bittencourt, apesar da carga horária reduzida o curso trouxe muito aprendizado para os participantes da empresa. “A vitrine é o que mais chama a atenção do cliente, digamos que 50% da venda já é definida pela vitrine. Se a vitrine estiver com uma exposição correta, com um trabalho adequado de cores e simetrias, certamente vai chamar a atenção do cliente. O workshop foi muito enriquecedor para nós, aprendemos muito”, conta.

 

Metodologia do workshop

O visual merchandising é uma área do marketing que trabalha com a organização do espaço comercial. No primeiro dia de formação foram abordadas a estrutura do espaço comercial e a composição das vitrines, onde o enfoque foi voltado para a montagem do estrutural da loja, do estrutural da vitrine e do tema. No segundo dia, o workshop teve um aspecto mais prático, onde os participantes entenderam como montar o tema escolhido e como executar a vitrine de fato.

 



< Voltar